Afetos Integrais e Refinados

De Wiki Canção Nova
Ir para: navegação, pesquisa

Padre Fábio de Melo - 01/03/2008 - código CD 25.04701 DVD 26.04701

Adquira esta Pregação

Nesta Pregação, Padre Fábio de Melo, Vem nos Revelar a diferença entre afetos integrais e refinados, de forma que nos faz enxergar, o verdadeiro significado das situações na nossa vida. Por que nem sempre o que aparenta ser dureza para nos é algo ruim, e nem sempre o que aparenta ser mais fácil é o melhor para cada um de nós, mas o que é mais importante é aprender com cada situação que virá a acontecer com cada um de nós.


Local: Centro de Evangelização Dom João Hipólito de Morais. / Cachoeira Paulista.

Horário: 11:20 Hs. / Acampamento de Cura e Libertação. / Assunto: Cura Interior.


Conteúdo da Pregação


Saber que Deus cuida de nós é muito bom! É muito bom saber que alguém cuida de nós, pois quando passamos por esta experiência de sermos amados, somos encorajados por aquele que nos ama. Se pelas dificuldades vamos para 'debaixo da mesa', quando percebemos que Deus nos ama, saímos e nos sentimos amados.

Vejam as situações que nos jogam para debaixo da mesa, pessoas que são maltratadas nos seus afetos, que são as camadas exteriores, mas muito mais ainda nas interiores. O afeto é muito fácil de ser despertado, o afeto é uma forma de memória, recorda as lembranças que temos. Ao escutar uma música nossa memória faz-nos voltar àquele fato, àquela situação, sendo assim uma memória afetiva, que tem poder sobre nós. A nossa memória afetiva nos remete a não gostar de uma pessoa que acabamos de ver, e não temos razão - não conhecemos sua história, gostos, não convivemos - para não gostar de uma pessoa que acabou de chegar a nossa vida. Esta pessoa tem alguma coisa de você mesmo, que você não gosta. Você olha para ela e lembra-se de uma coisa que você não gosta no seu pai, sua mãe. Mas também tem aquelas pessoas que chegam perto de nós e vamos com a "cara" delas.

Assim como Jesus, que era amável com todos, pois, tinha impelido dentro de si esta graça; cada vez que você se encontra com uma pessoa, formam-se os "nós". Se tivermos uma corda, fazemos um nó, um encontro, assim é o que acontece conosco, e isso nos transforma. Essa é a nossa possibilidade de encontrarmos com o outro, tirando de mim o que tenho de mais precioso, de mais lindo; essa é a empatia que surge quando você encontra com o outro, essa provocação que muitas vezes acontece, do encontro. O que sobra é o resto entre mim e o outro, e tenho que aprender a fazer a digestão dos pensamentos e se não consigo, surge a indigestão emocional.

'No momento em que o seu coração se ocupa de ódio, você não será capaz de amar ninguém' Os traumas acontecem quando somos traídos e nos fazem ir para debaixo da mesa. Existem dois aspectos da traição: quem traiu - está dando acesso para ser traído - e aquele que fica guardando a traição. Combater os inimigos do lado de fora, é fácil, mas combater a traição a si mesmo, não é nada fácil.

Às vezes caímos de barrancos, e o grande problema não é cair, mas saber como se levantar. Quantas pedras já lhe atiraram, quanta fofoca já machucaram você. Jogam pedras em nós, seguramos as pedras e jogamos novamente, ou nem jogamos. O problema não está na pedra que o outro nos joga, mas, quando seguramos a pedra e ficamos agarrados, indo para debaixo da mesa.

Levou prejuízo? Levanta! Sacode a poeira e dê a volta por cima. Tem gente que recebe uma pedra e fica decorando a vida com ela. A melhor coisa que tem é jogar a pedra fora, não permita que o seu agressor jogue a pedra e você fique com ela na mão. Quantos afetos estragados dentro de nós, coisas que deveríamos jogar fora e não jogamos.

No momento em que o seu coração se ocupa do ódio, você não será capaz de amar ninguém. Só seremos capazes de amar, se sairmos debaixo da mesa e entendermos o que para nós é valor.

A sociedade nos faz acreditar que os vícios são comuns, as famílias vão sendo roubadas delas mesmas, é o vício roubando a originalidade deles mesmos. Os "seqüestradores" estão viciando os nossos filhos e os matando em vida.

'Se precisamos aprender sobre Deus, precisamos também aprender sobre nós mesmos'

Uma idéia boa substitui uma idéia ruim, um pensamento ruim, por um pensamento bom. Por isso que em meio ao sofrimento procuramos dentro do nosso afeto respostas fáceis, respostas refinadas, mas temos que aceitar as respostas integrais. Muitas vezes preferimos os afetos refinados, aos integrais; pois os integrais dão trabalho para serem aceitos, exigi de nós muito mais estrutura, muito mais trabalho e organização.

Como os alimentos, preferimos aquele que será digerido mais rápido para não dar muito trabalho ao estômago, e cada vez mais se fica gordo por não deixar o estômago trabalhar. Temos de aprender a comer alimentos integrais para não deixar o nosso estômago preguiçoso. Assim também acontece com os nossos afetos, temos que aceitar e saber como administrar os afetos.

Não viva um personagem. Você tem que ser você mesmo e deixar que o outro descubra o seu verdadeiro "eu". E para que o outro não seja aquilo que eu quero que ele seja, buscando no outro uma idealização de uma pessoa perfeita. Se precisamos aprender sobre Deus, precisamos também aprender sobre nós mesmos.

Escrevi uma música a partir do testemunho de uma mulher que me dizia que iria ficar em casa uns 10 dias porque o marido havia batido muito nela, estava toda marcada com hematomas roxos. Se não bastasse a agressão física, também a moral. Vemos o quanto se tem desvalorizado a figura da mulher. Cada vez que você mulher, estiver prestes a apanhar de seu marido, peça para ele retirar a sandália dos pés, pois você é templo santo, é templo de Deus.


Detalhes


  • Quando estamos diante de Deus, somos quem somos.

ENCONTRAR O OUTRO DE VERDADE, É DEIXAR CAIR AS MASCARAS.

  • Conhecer a Deus, é deixar ele ser quem ele é.
  • Só nos amamos se nos conhecemos. Pois é preciso arrancar as mascaras, e acreditar que Deus é amor, isso é aprender de Deus.
  • Pede para baixar o tom da Música.
  • Saber que Deus cuida de nós é tão bom, pois passar pela experiencia de ser cuidado, é experimentar o que há de mais primitivo em nós.
  • Quais as situações humanas, que nos leva para debaixo da mesa.
  • Fala sobre o afeto, fala que ele é despertado por uma palavra. Pois o afeto é uma memoria.
  • As suas informações afetiva, informa quem você é, a nossa memoria afetiva, tem poder sobre nós.
  • Como podemos não gostar de uma pessoa se não há conhecemos.
  • Razão de inteligencia, é conhecer o outro e encontrar nela, o que não gostamos em nós mesmo.
  • TEMOS MEMORIA AFETIVA.
  • JESUS ERA MUITO COCIENTE DE SI MESMO.
  • Cada vez que nos encontramos com uma pessoa, ai nasce uma terceira pessoa, é como um nó em duas pontas.
  • Fala do neném da Salete que esta chutando muito sua barriga.
  • (BARULHO NO SOM).
  • Sofremos com nossos afetos, por que não sabemos articula-los.
  • Fala da indigestão, comida que não faz bem – dos encontros muitas vezes, nasce situações indigestivas.
  • Se paramos nas situações, ficamos traumatizados.
  • Traumas é como consórcio, um dia você vai ser contemplado. O que eu faço com a traição que eu recebo.
  • O outo, relativiza o meu valor.
  • É preciso combater o inimigo que está dentro de nós.
  • CANTA MUSICA DO LULU SANTOS: já não tenho dedo pra contar,...,
  • O grande problema, não é cair, mas não saber levantar.
  • Quantas pedras já jogaram em você?
  • Fala que já foi advertido que não podia ficar andando de um lugar para o outro, pelas pessoas da TV.
  • O problema, não esta no outro que jogou a pedra, mas ficar se julgando o tempo todo.
  • PERGUNTA QUEM JÁ RECEBEU UM CHEQUE SEM FUNDO. Sacode levanta a poeira e dá a volta por cima.
  • A melhor coisa é jogar fora a pedra que nos acertou. você é o sentinela, você é o porteiro de sua casa.
  • Quanto mais guardamos magoas, mais feia ficamos.
  • Quem odeia o marido, não vai conseguir amar os filhos.
  • Fala dos filhos como motivo para viver a vida.
  • FALA DO SEU PAI QUE ERA ALCOOLATRA, fala que pediu a ele, para parar de bebê, com isso, seu pai morreu com dignidade.
  • Conta a história, que atendeu um senhor que teve a vida destruída pelo vicio do álcool. Fala do filho desse mesmo homem que foi internado no hospital com como alcoólico. Esse mesmo filho riu para o pai e disse para ele, que desde pequeno e ar decepcionado com seu pai.
  • Não venha me dizer que o álcool, é um problema social. Tem pessoas que dizem, há padre, nos bebemos socialmente.
  • Fala de uma família que foi atropelada em joão pessoa, por uma pessoa que dirigia embriagada.
  • Fala de uma moça também em joão pessoa que tem o pai e a mãe viciada em bebida.
  • Recordas quem és, e daí terás razão para recomeçar. Pois razões de mudança, vem na vida todos os dias.
  • Você só sera capaz de olhar para sua vida, se olhar para os que ficaram para trás.
  • Comer queijo com goiaba, é ótimo.
  • FALA DA PATRICIA SUA AMIGA QUE PERDEU UMA FILHA.
  • Fala dos traumas da morte, pessoas que perderam um filho, e depois continua arrumando o quarto como se ele tivesse vivo.
  • FALA DE UM DEFUNTO. Fala que adora velório, pois tem pessoas que vai somente para ver o defunto.
  • A experiencia do desligamento, tem que ser tão linda, como o primeiro encontro.
  • FALA DA MORTE DA SUA IRMÃ, POIS PENSAVA QUE NUNCA MAIS IA SE REERGUER.
  • Sepultar é transformar a vida. Depois do sepultamento, é hora o luto a (vida).
  • Uma ideia boa, substitui um idéia ruim.
  • A resposta fácil, não existe, é preciso conviver com os momentos difíceis.
  • Estamos acostumados com alimento refinados.
  • ALIMENTO INTEGRAL E ALIMENTO REFINADO.
  • Comer alimento integral, é permanecer alimentado mais tempo.
  • Quase fala do MacDONALDS.
  • Existe pessoas que é mais fina que agulha de insulina.
  • Hoje as coisas são muito rápidas.
  • Pessoas que começam a vida refinada com 14 anos, com o passar do tempo, nada mais na vida, faz mais diferença.
  • Sera que beijar na boca não fica nada?
  • AFETO REFINADO DÁ TRABALHO.
  • As pessoas que passam do CABO DA BOA ESPERANÇA, foram educadas para um alimento integral.
  • Os filhos correm o risco de não dá conta, se tem uma vivência refinada.
  • Fala da banda do coreto, e da dança do acasalamento. fala que há tempos atrás, levava 2 meses para

perguntar o nome da menina.

  • Fala que suas irmãs, tinham que chegar em casa, no máximo 10:00 horas da noite.
  • As vezes uma moça de 16 anos, tem mais marca, que uma mulher de 35 anos. Nisso é roubada, por que não tinha GUARITA NA ENTRADA. Nisso vai criando desilusão.
  • FALA DO PRINCIPE ENCANTADO E DAS ETAPAS, OS PROCESSOS DE 15 ANOS, 18, 22, 28 , 35, QUE PODE VIR DE JEGUE.
  • MIRELA, fala de uma colega de academia, que um rapaz de moto fez uma arrancada, e ela derrubou todos os livros no chão, depois veio ajudar a juntar os livros, mas depois Mirela mandou ele ir a merda. Padre fala que ele poderia ser o homem da sua vida.
  • Ao imaginar muito, não vemos as pessoas que existem. Pois pessoa ideal não existe.
  • Se nos machucamos, é por que esperamos do outro, algo muito elevado.
  • A pessoa arruma confusão, depois sou eu que tenho que rezar?
  • Fala da jaula e da gaiola.
  • Mascarados não podem se identificar.
  • Canta musica de carnaval, o abre alas que eu quero passar.
  • No baile de mascara, não podemos nos apaixonar, pois não conhecemos os outros .
  • PADRE FÁBIO DE MELO APRESENTA O LIVRO.

Veja mais

Palestras Cura Interior