Não se venda

De Wiki Canção Nova
Ir para: navegação, pesquisa
Monsenhor Jonas Abib

“O Senhor precisa colocar as claras diante de nós as tolices que nós fazemos pra que a gente abra os olhos. A primeira coisa que a tentação tira de nós é a visão.”

Por quanto você se vendeu? E porque razão você fez essa tolice de se vender tão barato?

Durante toda a sua vida o Senhor cuidou de você, só que infelizmente, você tem sido infiel. O Senhor fica triste quando você se vende por um preço tão barato. Vocês foram constituídos não apenas para serem anciãos, vocês foram constituídos para serem pais dos músicos católicos. Só que a gente também corre esse risco de começar aqui e depois se vender por um preço muito barato e assim trair o Senhor. É duro para um pai ser traído por seu filho, o coração do Pai ficou muito ferido por você se vender. Porque você acabou perdendo a visão, não muda o fato de vocês serem homens de Deus, mulheres de Deus. Só muda o fato de vocês terem perdido a visão. Você perdeu a visão, porque realmente o que o mundo faz, ele que é esse grande agente do maligno, é ofuscar a nossa visão. Ele torna opaca a nossa visão.

Não fomos nós que selecionamos foi o Senhor que nos selecionou. E a primeira coisa que o Senhor quer fazer conosco é devolver-nos a visão. Devolver-nos a visão de duas maneiras: primeiro devolver-nos a visão espiritual; segundo treinar-nos novamente a ver. Porque assim como a pessoa que quebrou a perna e depois volta a andar sente medo, também é assim com quem fez, por exemplo, uma cirurgia nos olhos, parece que os olhos estão medrosos e no início ele tem dificuldade de ver. Os olhos precisam ser adestrados.

É como aquele homem de que fala o Evangelho que descendo de Jerusalém para Jericó foi pego pelos ladrões no caminho e o deixaram semimorto, roubaram tudo dele e bateram e surraram, por fim vem um bendito samaritano que se inclina, tira seus remédios e derrama azeite e vinho naquelas feridas e as cobre com panos; coloca no colo e o põe em sua montaria, depois o leva para hospedaria e dá os dois denários; esses dois denários como Santo Agostinho explica é a Palavra e a Eucaristia para curar e sustentar aquele doente.

Foi isso que aconteceu conosco e o lugar que o Senhor nos recebe foi naIgreja, nessa hospedaria da Igreja que Deus nos recorre e nos dá alimento forte é aí que você pode readquirir a visão. Não é em nenhum outro lugar, só ali. É na igreja da qual o Senhor disse tu és pedra e sobre essa pedra edificarei a minha Igreja. Igreja única santa católica apostólica, é ai que Deus providenciou um lugar pra você. Ele quer recuperar a sua visão. Porque aconteceu conosco literalmente, justamente porque nós somos músicos católicos que o mundo nos agrediu do jeitinho daquele homem que descia de Jerusalém para Jericó e nos deixou no estado que ficou aquele homem semimorto no chão. O mundo fez isso conosco. Ele quer continuamente fazer isso com todos aqueles que ousem ser músicos católicos, todos aqueles que ousem fazer a música de Deus, todos aqueles que ousem evangelizar através da música, todos aqueles que ousem resgatar vidas, resgatar almas resgatar filhos de volta pra Deus. O inimigo acha que ele tornou-se o dono da música, mas ele está errado. Quando chega algum músico novinho tentando fazer música católica, tentando evangelizar através da música, pior ainda ainda é quando nós conseguimos arrancar das garras deles aqueles que ele já tinha abocanhado daí ele vem com toda a fúria pra nos destruir. Se você realmente é músico católico e se você se faz músico pra valer, pra entrar na guerra pela evangelização, readquirir pra Deus o que é de Deus, saiba que você tornou-se arqui-inimigo do maligno. Muitas vezes as pessoas pensam que elas vão ser simplesmente músicos para cantar no grupo de oração, na missa ou fazer shows, não é só isso, porque na hora que você começa a fazer isso você está ganhando um terreno que o maligno disse que era dele, e tenham certeza especialmente do terreno da música ele não quer sair. Porque ali tem muitas pessoas consagradas a ele pra fazer música, pra ter sucesso, além de muitas música horrorosas, que na verdade são músicas de destruição. Na hora que você entrou pra fazer música de Deus, pra fazer música nova você adquiriu um tremendo inimigo. Ele quer destruir você.

É preciso que nós façamos a canção nova, e não fazer a canção velha como o mundo faz. Você precisa ser inteiramente de Deus para você fazer a canção nova. Sem nada da canção velho, tudo novo. Uma maneira muito sútil do inimigo destruir você é pegar você músico católico e ir te dando linha e ele vai te soltando vai te conservando ali. Ele quer realmente fazer com que nós sejamos do mundo pensando que somos de Deus.

(Romanos 12) Rogo-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto espiritual. E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus. Porque pela graça que me é dada, digo a cada um dentre vós que não pense de si mesmo além do que convém; antes, pense com moderação, conforme a medida da fé que Deus repartiu a cada um. Porque assim como em um corpo temos muitos membros, e nem todos os membros têm a mesma operação, assim nós, que somos muitos, somos um só corpo em Cristo, mas individualmente somos membros uns dos outros.

O molde do maligno é o mundo. Este sistema de enganação criado pelo maligno que é mentiroso, pra enganar a gente, pra moldar a gente. Ficamos pensando que somos de Deus, mas não somos de Deus. O maligno quer ter e muitas vezes tem o poder de fazer as pessoas pensarem que são de Deus, mas na verdade elas não tem o molde de Cristo, o molde delas é o molde do mundo. É um sistema de enganação que você não percebe. E você como músico se sente embalado, porque ele encheu sua bola, ele quer destruir você de maneira irônica.

Graças a Deus você não deixou de ser homem de Deus, de ser mulher de Deus, a sua essência é a mesma. Aí está a salvação, é a partir daí que Deus quer te restaurar, te reconstituir. Hoje deus está dizendo pra você: Meu filho, minha filha você não pode se conformar com esse mundo, você não pode deixar se moldar por esse mundo, você não pode pensar como o mundo pensa. Hoje Deus vem gritar pra você: Meu filho eu sou inocente. Até mesmo pra você não pensar que Deus é o culpado pelas coisas desse mundo. Você era inocente, mas infelizmente, as coisas que estão ai no mundo não são.

Ele quer ir tirando a sua visão, pois você é um inocente útil. Mas hoje o Senhor está aqui pra abrir os seus olhos e dizer acorda meu filho, acorda minha filha, abre esses olhos pra realidade. Você não pode permitir que te façam a cabeça, você não pode cantar como o mundo canta. Você não é do mundo você é de Deus. Além Dele te amar Ele quis precisar de você, para resgatar os que lhe pertencem. Ele quer continuar confiando em você.

Não vos conformeis com as coisas deste mundo, não vos moldeis a estas coisas. A sua arma é a sensibilidade, ela não pode ser contaminada. Muitas vezes a nossa sensibilidade fala mais forte, e a nossa sensibilidade nos trai. A nossa sensibilidade nos traindo ela contamina a nossa mente, a nossa vontade, você entra por caminhos que você não deveria. As vezes você quer o bem e acaba fazendo o mau.

A canção nova, a música nova que graças a Deus é a que fica dentro de nós. Mas a música que mais pega a nossa sensibilidade é a música velha. O Senhor vem nos dizer para não nos conformarmos com este mundo. O espírito nos puxa pra um lado a carne pra outro. É por isso que São Paulo diz:

(Gálatas 5,16-24) “Digo, porém: Andai em Espírito, e não cumprireis a concupiscência da carne. Porque a carne cobiça contra o Espírito, e o Espírito contra a carne; e estes opõem-se um ao outro, para que não façais o que quereis. E os que são de Cristo crucificaram a carne com as suas paixões e concupiscências.”

O seu lugar é no céu, por isso transformai-vos.

Veja mais

Palestras Músicos

Palestras Monsenhor Jonas