Palestras Alberto Carneiro

De Wiki Canção Nova
Ir para: navegação, pesquisa

Alberto Carneiro - 08/07/2010 - código CD 25. 06961 DVD 26. 06961

Adquira esta Pregação pela Central de Atendimento 24 horas (12)3186 2600


IAlberto Carneiro


Precisamos ser amigos de Deus. Ele nos convida para viver uma amizade profunda com Ele. "Um amigo fiel é um remédio de vida e imortalidade; quem teme ao Senhor, achará esse amigo"


Local: Rincão do meu Senhor / Cachoeira Paulista.


Horário: 09:40 Hs. / Quinta feira de Adoração


Conteudo da Pregação


A amizade é um dos maiores tesouros. Deus colocou em minha vida a oportunidade de viver uma grande aventura. Não existe aventura maior do que estar mergulhado em Deus.

"Estando Jesus um dia à margem do lago de Genesaré, o povo se comprimia em redor dele para ouvir a palavra de Deus. Vendo duas barcas estacionadas à beira do lago, - pois os pescadores haviam descido delas para consertar as redes -, subiu a uma das barcas que era de Simão e pediu-lhe que a afastasse um pouco da terra; e sentado, ensinava da barca o povo. Quando acabou de falar, disse a Simão: Faze-te ao largo, e lançai as vossas redes para pescar. Simão respondeu-lhe: Mestre, trabalhamos a noite inteira e nada apanhamos; mas por causa de tua palavra, lançarei a rede. Feito isto, apanharam peixes em tanta quantidade, que a rede se lhes rompia" (Lucas 5, 1-6).

Nesta passagem, presenciamos o encontro de Pedro com Jesus, a novidade do amor de Deus. O apóstolo estava mal, pois havia experimentado o fracasso naquela noite. O pescador estava na areia, mas a função do barco é estar em alto-mar. Além de não ter pescado, sua rede estava rasgada. Nessa condição, Cristo fala com o povo anunciando a Boa Nova.

"Quando acabou de falar, disse a Simão: Faze-te ao largo, e lançai as vossas redes para pescar". O Ressuscitado tem o dom de prestar atenção às coisas do nosso coração. Algumas pessoas o escutam, outras prestam atenção ao que você diz, os amigos prestam atenção ao que você não diz.

A obediência do apóstolo Pedro foi o grande milagre. Primeiro: A proposta de Jesus; segundo: A obediência de Pedro, que foi contra as experiências negativas e acolheu as palavras do Senhor. A aventura chegou como um mapa do tesouro, é preciso descobrir a capacidade que Deus nos proporciona. O segredo dele [Pedro] e de todos os santos é estar na presença de Deus por toda a eternidade.

O apóstolo Pedro era falador, ansioso, bravo, traiu Jesus e apresentava dificuldades em perdoar. Comparei a minha vida com todos os "Pedros". Qual é o segredo de obter essa grande graça como a desse grande apóstolo? É a amizade que faz com que não nos percamos pelo caminho. Deus colocou em nosso coração o grande segredo da vida de Pedro. Muitas vezes, pedimos ao Altíssimo o dom da amnésia, mas nós não podemos esquecer.

Na vacina, além da agulha e de alguns componentes, temos o vírus, o causador da doença. Sem deixar de ser [vírus] o que era antes, gerando dor e sofrimento, se transforma em saúde. Não é preciso pedir ao Senhor que nos esqueçamos das coisas, mas transformá-las através da amizade. Então o que antes lhe fazia mal começa a ser sinal de proteção e salvação. Jesus não quis instaurar um reino de poder, mas de humildade. Contudo a palavra “amizade” perdeu a força em nossa sociedade.

Deus tem o poder de tocar a essência do ser humano em qualquer realidade, tem o poder de visitar a nossa alma e nos resgatar. Muitas vezes, nem o pai e a mãe conseguem tocar na alma do seu filho. Nossos amigos são capazes de ser auxílio para o nosso coração. Os amigos têm o poder de revelar, a partir do negativo da nossa história, uma foto cheia de cor. Aquele negativo que se revela em possibilidades

A foto da capa do livro: “Pedrão - Quem achou um amigo descobriu um tesouro” é um par de muletas. Este livro foi escrito para revelar ao povo o grande preconceito; é um romance, nos traz a mensagem da possibilidade. É bonito perceber o que Jesus tem feito através da amizade. "Apareceram algumas pessoas trazendo num leito um homem paralítico; e procuravam introduzi-lo na casa e pô-lo diante dele. Mas não achando por onde o introduzir, por causa da multidão, subiram ao telhado e por entre as telhas o arriaram com o leito ao meio da assembléia, diante de Jesus" (Lucas 5, 18-19).

Não mediram esforços para que o seu amigo [o paralítico] estivesse na presença de Cristo, Nosso Senhor. Precisamos de amigos e ser amigos assim e passar a experiência de colocar em prática o batismo. Quem tem um amigo, nunca está sozinho. Solidão não é a experiência de quem vive a amizade.

Santo Elredo diz: "O amigo é o custódio do amor, o guardião da alma, da história". "Amor sem amizade é possível, mas nunca amizade sem amor."

Como é bom viver na presença dos amigos! Um dia, quando eu estava angustiado, um amigo foi dormir em minha casa e comecei a falar sobre os meus sentimentos, assim perguntei: “Qual a sua opinião?” Ele estava dormindo, e mesmo dormindo, estava presente em minha vida. Não é o que diz , o que faz ou o que ele compra, mas a presença que conta.

Existem amizades que nos fazem sair da graça de Deus, que subtraem. Fuja das pessoas que o multiplicam por 0 ou 1, e não seja um amigo assim. Há amigos que fazem com que o sol se transforme em uma mancha amarela, assim como há outros que transformam qualquer mancha em um grande sol.

Durante 5 anos, Maria Paula sofreu com uma doença, assim fomos privados do convívio. Ela dizia: "Meu Deus, eu entrego o meu tudo." Ela viveu com intensidade e presenciou muitas graças, como a conversão de médicos e enfermeiras. Ela deu a eles a oportunidade da graça da amizade profunda. "Eis eu e você aqui, espero que o terceiro entre nós seja em Cristo, na dimensão do meu coração ao seu e ao de Cristo" (Santo Elredo).

Precisamos ser amigos de Deus. Ele nos convida para viver uma amizade profunda com Ele. "Um amigo fiel é um remédio de vida e imortalidade; quem teme ao Senhor, achará esse amigo" (Eclesiástico 6,16).

O amor não é sentimento, é a decisão de viver em Deus. A nossa amizade com Ele tem o poder de resgatar para a plenitude


Detalhes


  • Animação Salete Ferreira
  • Palavra Eclesiástico 6,16, Lucas 5, 18-19, Lucas 5, 1-6
  • A obediência do apóstolo Pedro foi o grande milagre. Primeiro: A proposta de Jesus; segundo: A obediência de Pedro, que foi contra as experiências negativas e acolheu as palavras do Senhor.
  • A aventura chegou como um mapa do tesouro, é preciso descobrir a capacidade que Deus nos proporciona.
  • O segredo dele [Pedro] e de todos os santos é estar na presença de Deus por toda a eternidade.
  • O amor não é sentimento, é a decisão de viver em Deus. A nossa amizade com Ele tem o poder de resgatar para a plenitude
  • A amizade é um dos maiores tesouros. Deus colocou em minha vida a oportunidade de viver uma grande aventura. Não existe aventura maior do que estar mergulhado em Deus