Têmpera

De Wiki Canção Nova
Ir para: navegação, pesquisa

Têmpera: O que significa para mim?

BLOG TÊMPERA - "Pois é pelo fogo que se experimentam o ouro e a prata, e OS HOMENS AGRADÁVEIS A DEUS, pelo cadinho da humilhação". (Eclo. 2,5)

Além das definições que o próprio dicionário nos dá a respeito dessa palavra (têmpera), ela soa, para mim, como um “Rhema” de vida, como um norte, uma direção, uma seta, uma estrada. “Têmpera” indica uma qualidade, um capacidade, mais que isso, um dom, uma dádiva que Deus concede, no Filho pelo Espírito Santo àqueles que se dispõem a se deixar provar até o fim; àqueles que se matricularam na “Escola de Santidade” que é o Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo e a Sua Igreja; àqueles que, quando provados, não esmorecem, mas ganham ainda mais brilho. O Senhor já disse na Sua Palavra: “Pois é pelo fogo que se experimentam o ouro e a prata, e os homens agradáveis a Deus, pelo cadinho da humilhação” (Eclo. 2,5). Ser agradável à Deus... Só de pensar, dá um frio na espinha. Medo? Não. Responsabilidade. Ter uma meta como essa exige sacrifícios sem fim, noites mal dormidas, dias preenchidos de atividades mil, e uma única certeza: “Assim também vós, depois de terdes feito tudo o que vos foi ordenado, dizei: Somos servos inúteis; fizemos o que devíamos fazer” (Lc 17,10). Nada de reconhecimento, nada de “estrelinha na testa”, tapinha nas costas; apenas a certeza de se estar fazendo a vontade de Deus. Ouvi falar de Sta. Tereza D’Ávila, a “Terezona”, ela dizia que o Senhor Jesus paga com sofrimentos e provações aqueles a quem Ele ama, e acrescentava, dizendo ela mesma ao Senhor: “É por isso que tens poucos amigos!” Uma meta de vida assim exige um coração livre, capaz de se desprender de tudo e de todos, pois “É preciso separar-se de tudo pra possuir Àquele que é Tudo!”, já dizia Sta. Elizabete da Trindade. Um coração capaz de “compromissos definitivos”, como diria Dom Alberto Taveira. Falando assim não digo que escolher esse estilo de vida (Têmpera) é para santos, prontos e perfeitos, não! É para aqueles que estão dispostos a buscar a santidade com todas as suas forças, que não querem parar nos obstáculos, que não querem ajuntar tesouros aqui na terra, mas no Reino dos céus. Para aqueles que estão dispostos a lutar contra si mesmo, contra a sua própria carne, pois “desde a época de João Batista até o presente, o Reino dos céus é arrebatado à força e são os violentos que o conquistam” (Mt 11,12). Se você está disposto (a) a seguir nessa “aventura” de seguir a Deus de perto, pisar nas Suas pegadas e “correr o risco” de trombar com Ele muitas vezes pelo caminho, bem-vindo (a) ao Blog Têmpera: Meu Diário de Bordo!. Ele quer ser uma ajuda nesse caminho para o Senhor. Estaremos juntos nessa caminhada longa, nessa “Estrada Real”, que nos levará até a vida eterna! Partilhemos nossas lutas, derrotas e vitórias, aprendendo juntos tudo aquilo que o Senhor nos quer ensinar no dia a dia. Não se assuste se os problemas aumentarem depois dessa sua decisão, porque “...é necessário entrarmos no Reino de Deus por meio de muitas tribulações” (At 14,22). E se te serve de consolação, saiba, “ainda não tendes resistido até o sangue, na luta contra o pecado” (Hb 12,4). Portanto, arregace as mangas e vamos em frente, “a messe é grande, mas os operários são poucos” (Mt 9,37); mas como disse o Papa Bento XVI ao assumir o pontificado: “Deus sabe trabalhar com instrumentos insuficientes”... Esses, somos eu e você...rsrs. Só posso terminar dizendo que, um estilo de vida assim se resume no lema sacerdotal do meu Pai-Fundador, Monsenhor Jonas Abib, a quem pretendo imitar até o fim da minha vida:

“FEITO TUDO PARA TODOS!” (1 Cor. 9,22)

Mãos à obra. Temos muito trabalho pela frente. Deus abençoe a cada um em particular.

Ferramentas pessoais
Espaços nominais
Variantes
Ações
Navegação
Ferramentas