Vivendo a transformação interior

De Wiki Canção Nova
Ir para: navegação, pesquisa

Padre Fábio de Melo - 18/04/2010 - código CD 25. 06784 DVD 26. 06784

Adquira esta Pregação pela Central de Atendimento 24 horas (12)3186 2600 ou shopping.cancaonova.com


Padre Fábio de Melo


Ninguém está garantido, nós estamos todos no mesmo processo para o coração ficar melhor. Às vezes, o reflexo do outro nos vai fazendo ser melhores, assim como há outros que nos fazem retroceder. Nós não queremos retroceder. Eu não sei o quanto Deus já entrou em você, mas uma coisa é certa: Ele está à porta do seu coração para fazer de você um homem novo, uma mulher nova


Local: Rincão do meu Senhor / Cachoeira Paulista.


Horário: 15:00 Hs. / Kairos Sede alegre na esperança


Conteudo da Pregação


O lema da minha ordenação sacerdotal é: “E a sorrir, pronunciaste meu nome”.

Quando a nossa mãe nos chama pelo nome composto é sinal de que a coisa não está boa, “o mar não está para peixe”. Toda palavra tem um invólucro, que é aquela emoção da voz. Tudo depende da maneira como o outro diz o seu nome ou como diz a frase

Um dia escutei Jesus chamando meu nome assim: “Fábio, meu filho”. Sorrindo mesmo. Jesus é muito tranquilo quando nos chama, porque Ele sabe que se for dócil, aquele que é chamado vai ficar do jeito que Ele quer.

Deus nos chama pelo nome. Deus me chamou na minha infância simples, mas extremamente rica de poesias e significado. Deus usou das imagens que me atrairiam, não me chamou a partir de coisas de que eu não gostava. O Senhor é sábio. Num primeiro momento, Ele se utiliza de contextos dos nossos desejos, das alegrias que nos arrepiam a alma, depois que entramos no processo Ele vai com pedagogia nos dizendo que depois do “leite” tem que ter “alimento sólido”.

Quer ser grande? Passe pelo caminho da humilhação. A primeira vez que Deus o chama é uma história bonita, mas dura. Jesus, com um método pedagógico maravilhoso, faz com que os discípulos voltem à vida antiga. Depois do calvário, qual foi a primeira frase? “Vamos pescar.” Os olhos dos discípulos se abriram no contexto de uma vida antiga, mas inadequada

A nossa verdade é o lugar onde Deus trabalha, onde Ele pode agir. Aos poucos vamos sendo chamados de outras formas, vamos sentindo que Deus vai chamando o nosso nome de outro jeito, e se correspondemos com o que Deus vai mudando dentro de nós, com certeza, ficaremos cada vez melhores, porque quando Deus faz, não faz porcaria.

O que você faz com a fragilidade que existe dentro de você? A proposta de Jesus para nós é violenta, por isso Ele disse que só vão entrar no Reino dos Céus os violentos.

A mesma voz que me chamou um dia, chama você também. A partir dos seus recursos, Deus vai transformá-lo em uma pessoa muito melhor do que você é.

Eu não sei quando foi que Jesus entrou na sua vida ou os recursos que Ele usou para chamar a sua atenção. Não sei se Jesus já entrou muito ou pouco na sua vida, mas de uma coisa eu tenho certeza: você já não é mais o mesmo, alguma coisa de muito divino já começou acontecer dentro de você.

Ninguém está garantido, nós estamos todos no mesmo processo para o coração ficar melhor. Às vezes, o reflexo do outro nos vai fazendo ser melhores, assim como há outros que nos fazem retroceder. Nós não queremos retroceder. Eu não sei o quanto Deus já entrou em você, mas uma coisa é certa: Ele está à porta do seu coração para fazer de você um homem novo, uma mulher nova


Detalhes


  • Palavra 1º leitura Atos 5, 27b–32, 40 b–41, Salmo 29, 2º leitura Apoc 5, 11-14, Evangelho João 21, 1-19
  • O lema da minha ordenação sacerdotal é: “E a sorrir, pronunciaste meu nome”.
  • O que você faz com a fragilidade que existe dentro de você? A proposta de Jesus para nós é violenta, por isso Ele disse que só vão entrar no Reino dos Céus os violentos.
  • A mesma voz que me chamou um dia, chama você também. A partir dos seus recursos, Deus vai transformá-lo em uma pessoa muito melhor do que você é.
  • Um dia escutei Jesus chamando meu nome assim: “Fábio, meu filho”. Sorrindo mesmo. Jesus é muito tranquilo quando nos chama, porque Ele sabe que se for dócil, aquele que é chamado vai ficar do jeito que Ele quer.