Mudanças entre as edições de "12/06/2011 Salmo 103"

De Wiki Canção Nova
Ir para: navegação, pesquisa
 
Linha 1: Linha 1:
 
   
 
   
      F            Bb/F       F  Eb Bb/D        F           Bb/D    Csus
+
       F6           G/4      Am9          Dm7          G4 G          C
  — Enviai o vosso Espírito, Senhor,/         e da terra toda a face renovai!
+
  — Enviai o vosso Espírito, Senhor,/ e da terra toda a face       renovai!
       Bbmaj7      C/Bb     Am7  Dm7     Gm7          Csus      F
+
       F6            G/4     Am9          Dm7           Gsus      C
 
  — Enviai o vosso Espírito, Senhor,/ e da terra toda a face renovai!
 
  — Enviai o vosso Espírito, Senhor,/ e da terra toda a face renovai!
  
       F             C/F        F  C/F      F/A          Bb              Csus  C
+
       Dm7            G        Am7             Dm7        G                C
 
  — Bendize, ó minha alma, ao Senhor!/  Ó meu Deus e meu Senhor, como sois grande!/
 
  — Bendize, ó minha alma, ao Senhor!/  Ó meu Deus e meu Senhor, como sois grande!/
           Bb      C/Bb              Am7 Dm7             Gm7          Bb        C4  C
+
        Bb          Gm7            Dm7        F           Dm7           G4         
  Quão numerosas, ó Senhor, são vossas obras!/ Encheu-se a terra com as vossas criaturas!
+
  De magestade e esplendor vos revestis !/ E de luz os envolveis como num manto.
  
  

Edição atual tal como às 08h42min de 3 de abril de 2012

     F6            G/4      Am9           Dm7          G4 G           C
— Enviai o vosso Espírito, Senhor,/  e da terra toda a face       renovai!
     F6            G/4      Am9           Dm7           Gsus      C
— Enviai o vosso Espírito, Senhor,/ e da terra toda a face renovai!
     Dm7            G         Am7             Dm7        G                 C
— Bendize, ó minha alma, ao Senhor!/   Ó meu Deus e meu Senhor, como sois grande!/
        Bb          Gm7            Dm7        F           Dm7            G4           
De magestade e esplendor vos revestis !/ E de luz os envolveis como num manto.


— Se tirais o seu respiro, elas perecem/ e voltam para o pó de onde vieram./ Enviais 
o vosso espírito e renascem/ e da terra toda a face renovais. 


— Que a glória do Senhor perdure sempre,/ e alegre-se o Senhor em suas obras!/ Hoje 
lhe seja agradável o meu canto,/ pois o Senhor é a minha grande alegria!