Bispo Dom Vilson Dias de Oliveira

De Wiki Canção Nova
Revisão de 11h47min de 29 de abril de 2009 por Lucilene (discussão | contribs)
Ir para: navegação, pesquisa
Dom-Vilson-Dias-de-Oliveira.jpg
Diocese de Limeira (SP)

Dom Vilson Dias de Oliveira nasceu aos 26 de novembro de 1958, na cidade de Guaíra, SP, filho de João Dias de Oliveira e Elza Atayde de Souza Oliveira. Ingressou no Seminário menor em 1970, na cidade de Guaíra, SP, dos Padres da Doutrina Cristã (Doutrinários), congregação da qual faz parte, inspirada no carisma do Bem-Aventurado Pe. César de Bus (1544-1607), homem guiado pelo Espírito Santo, que viveu na França em um período da história marcado pela miséria e ignorância religiosa do povo.

Fez parte dos estudos filosóficos na cidade de Ponta Grossa, PR, nos anos de 1978 e 1979, no Instituto de Filosofia e Teologia “Mater Ecclesiae”, do Seminário Diocesano de Ponta Grossa, PR, concluindo os mesmos na FAI (Faculdades Associadas do Ipiranga), na cidade de São Paulo, SP. Fez Teologia no Instituto Teológico de São Paulo (ITESP). Mais tarde fez o Mestrado na área de Teologia Pastoral (1998-1999) na Pontifícia Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção, pertencente à Arquidiocese de São Paulo, SP, defendo a tese sobre “Catequese com Adolescentes”.

Fez os seus primeiros votos no dia 02 de fevereiro de 1978 (Guaíra, SP) e a Profissão Perpétua no dia 18 de fevereiro de 1982 (São Paulo, SP). Ordenado Diácono no dia 28/08/1983 (São Paulo, SP) e ordenado presbítero no dia 22 de abril de 1984 (Guaíra, SP).

Tem 23 anos de ministério presbiteral. Exerceu este ministério nas seguintes cidades e funções: Pároco na cidade de Itá, SC, Par. São Pedro Apóstolo; (1985 a 1988), Xavantina, SC, Par. N. Sra. do Rosário (1984) e São Domingos, SC, Par. São Domingos (1990-1994), pertencentes à Diocese de Chapecó, SC, no período de nove anos; na cidade de Itanhaém (SP) em 1989, Par. N. Sra. da Conceição, Diocese de Santos; Reitor do Seminário Maior no Seminário N.Sra. de Fátima, dos Padres Doutrinários (1994-1996) e Pároco da Paróquia São Francisco de Sales (1994-1999), na Região Episcopal Ipiranga, Arquidiocese de São Paulo, SP.

Foi assessor da Dimensão Bíblico-Catequética da CNBB em Brasília, no período de quatro anos (final de 1999 a meados de 2003); foi Vigário Paroquial na Paróquia São João Batista, em Bertioga, SP, Diocese de Santos no período de sete meses (2003) e, posteriormente nomeado Pároco da Paróquia Nossa Senhora D’Ajuda, cidade de Ilhabela, SP, Diocese de Caraguatatuba, tomando posse no dia 20 de dezembro de 2003, onde exerce este ministério até julho de 2007.

Na Diocese de Caraguatatuba, Pe. Vilson assessorou a Comissão para a Ação Missionária e Cooperação Intereclesial nos campos do COMIDI (Comissão Missionária Diocesana) e PAMP (Projeto de Ação Missionária Permanente).

Com a transferência de Dom Fernando Mason, para a Diocese de Piracicaba, SP, a partir do dia 25/07/2005, foi escolhido para exercer a função de Administrador Diocesano até a vinda do novo bispo: Dom Antônio Carlos Altieri (05/11/2006), retornando ao seu trabalho de base em Ilhabela, no COMIDI e PAMP. No final de maio de 2007 foi escolhido para fazer parte do Colégio dos Consultores da Diocese de Caraguatatuba.

No dia 13 de junho de 2007, foi nomeado para Bispo da Diocese de Limeira, pelo Santo Padre Bento XVI. Esta nomeação foi transmitida ao mesmo no dia 25 de maio de 2007, na cidade de Aparecida, SP, durante a V Conferência do Episcopado da América Latina e do Caribe, pelo Exmo. Sr. Núncio Apostólico Dom Lorenzo Baldisseri. Dom Vilson, iniciou seu ministério episcopal como 5º Bispo Diocesano da Diocese de Limeira, no dia 15 de Setembro de 2007.