Mudanças entre as edições de "Família Vicentina"

De Wiki Canção Nova
Ir para: navegação, pesquisa
 
Linha 1: Linha 1:
<hr> [http://www.cancaonova.com/portal/canais/eventos/novoeventos/cobertura.php?cob=2339&tit=22%BA%20Avivamento%20Vicentino PARTICIPE DA 22ª EDIÇÃO DO AVIVAMENTO VICENTINO, NA CANCÃO NOVA, ENTRE OS DIAS 22 E 23 DE AGOSTO] <HR>
 
 
 
 
{| cellspacing="6" cellpadding="0" align="right" style="border: 1px solid rgb(170, 170, 170); margin: 0pt 0pt 2em 4em;"
 
{| cellspacing="6" cellpadding="0" align="right" style="border: 1px solid rgb(170, 170, 170); margin: 0pt 0pt 2em 4em;"
 
|-
 
|-

Edição atual tal como às 13h30min de 30 de agosto de 2010

Saiba mais
São Vicente de Paulo
Sociedade São Vicente de Paulo
Frases de São Vicente de Paulo
Virtudes da espiritualidade vicentina

A expressão Família Vicentina (FV) se refere ao conjunto de congregações, organismos, movimentos, associações, grupos e pessoas que, de forma direta ou indireta, prolongam no tempo o carisma vicentino, sejam eles fundados diretamente por São Vicente de Paulo, ou encontrem nele a fonte de sua inspiração e dedicação ao serviço dos pobres.


De acordo com o grau de afinidade e especificidade de cada ramo, a Família Vicentina possui hoje no mundo mais de 165 ramos, que têm como herança comum:


  • O reconhecimento de São Vicente de Paulo ou como fundador ou como fonte de inspiração;
  • Uma acentuada orientação para o serviço dos pobres;
  • Uma espiritualidade baseada na figura de São Vicente, com ênfase especial na caridade concreta e prática, vivida na simplicidade e na humildade.


A proposta de articulação da Família Vicentina

"São Vicente de Paulo, homem de ação e oração", afirma o papa João Paulo II]]Ao longo dos tempos, diversos ramos da FV sempre desenvolveram alguma forma espontânea de aproximação e colaboração mútua.


Nos últimos anos, esta aproximação e colaboração mútua têm crescido cada vez mais. No Brasil, por exemplo, nos anos 80, surgiu a Frente Ampla Vicentina, que desenvolveu uma significativa ação por ocasião das comemorações do 4º Centenário do Nascimento de São Vicente de Paulo (1981).


Na década de 90, a partir de diversas experiências positivas em vários países, os Superiores Maiores de alguns ramos têm se reunido e daí tem surgido uma insistente proposta de colaboração vicentina. Com formal e renovado impulso, esta proposta de organização da FV não tem sentido jurídico-canônico; trata-se de um convite a todos os grupos e pessoas que participam da herança vicentina, para que se entrosem e colaborem entre si, sempre buscando melhor serviço aos pobres.


Objetivos e princípios da Família Vicentina

A proposta de organização da FV se apoia na convicção de nossa responsabilidade missionária a serviço do Reino, na força profética e dinamizadora do carisma vicentino. Animados pela força da caridade, com criatividade e abertura, queremos criar mecanismos para uma efetiva colaboração mútua, aprofundando as atuais exigências do carisma vicentino e respondendo juntos aos atuais e urgentes clamores dos pobres. A proposta de articulação da FV tem, pois, os seguintes objetivos específicos:


  • Intensificar os laços de fraternidade e conhecimento entre os vários ramos;
  • Aprofundar o carisma vicentino à luz dos apelos de hoje;
  • Desenvolver formas de colaboração na formação dos membros dos diversos ramos;
  • Empreender projetos conjuntos de serviço aos pobres, em conformidade com os seus novos e atuais clamores.


Referências

Família Vicentina no Brasil

Província Brasileira da Congregração da Missão