Mudanças entre as edições de "Maria Mulher de Aço e de Flores"

De Wiki Canção Nova
Ir para: navegação, pesquisa
(Nova página: == Padre Fábio de Melo - 17/08/2008 - <small>'''código CD 25.05126 DVD 26.05126'''</small> ==)
 
(Padre Fábio de Melo - 17/08/2008 - <small>'''código CD 25.05126 DVD 26.05126'''</small>)
Linha 1: Linha 1:
 
== [[Fábio de Melo|Padre Fábio de Melo]] - [[17/08/2008]] - <small>'''código CD 25.05126  DVD  26.05126'''</small> ==
 
== [[Fábio de Melo|Padre Fábio de Melo]] - [[17/08/2008]] - <small>'''código CD 25.05126  DVD  26.05126'''</small> ==
 +
 +
Nesta Pregação, Padre Fábio de Melo,
 +
 +
 +
Local: c.E.D.J.H.M. / Cachoeira Paulista. / Assunto: Igreja.
 +
 +
Horário: 8:00 Hs. / I Hallel Canção Nova.
 +
 +
 +
'''Conteudo da Pregação'''
 +
 +
 +
A festa de hoje liga o [[céu]] e a terra, porque festejar a [[Assunção de Nossa Senhora]] é celebrar o humano elevado ao divino.
 +
 +
[[Maria]] foi a mulher de [[José]], mulher da família, mas também mulher de [[Deus]]. A mulher carrega em si o dom de ser como Deus em pequenas medidas. Jesus ficou nove meses no ventre, foi amamentado, amado por Maria, foi humano. A [[Santíssima Virgem]] passou por muitos desafios naquela época, mas resistiu.
 +
 +
Nossa Senhora precisou ter os olhos fixos em Deus para ser fiel à [[missão]] dada a Ela. Mulher, se você olhar para você, para a potência que você tem de alimentar e conduzir uma casa, se você se espelhar em Maria, sendo [[fiel]] às coisas simples e tendo os olhos fixos em [[Jesus]], tudo será diferente.
 +
 +
Há em você, mulher, uma [[sacralidade]] que dia após dia você precisa reconhecer. Mulheres, não negligenciem o dom de sua [[feminilidade]]! A mulher tem poder de costurar o mundo, assim como no passado entrelaçavam as linhas, faziam tudo que era artesanal. Você precisa ser artesã para "costurar" o mundo.
 +
 +
Quando temos um problema com o pai, tudo continua em pé, mas se a mãe se entrega, dificilmente o lar fica em pé. A mulher é capaz de suportar um pouco mais que a gente. As mulheres mensalmente sentem dor, sangram ([[ciclo menstrual]]). Se fosse eu quem sangrasse, todos os meses iria ao hospital. Tenho pavor de sangue!
 +
 +
Mulher, aquilo que você tem é dom de Deus para você ser igual a [[Virgem Maria]]. Maria honrou a sua missão de educar o Filho de Deus. Ela foi [[pedagoga]]. Se Jesus foi capaz de subir ao [[calvário]], foi porque Ela O educou para ser corajoso. A Santíssima Virgem não foi uma mãe histérica. Até mesmo na hora do seu Filho morrer, Ela estava presente com um olhar discreto.
 +
 +
'A mulher carrega em si o dom de ser como Deus em pequenas medidas.'
 +
A mulher tem a [[sensibilidade]]. É mulher de aço, é mulher de flor. Não podemos anunciar Jesus só pela justiça, mas pela [[misericórdia]]. Só paramos em pé se estamos em equilíbrio. Onde está o seu equilíbrio, mulher? Não seja relaxada! Mãe, seja o equilíbrio, seja mãe de um jeito certo, seja esposa com os dois pés, equilibrada - nem na omissão nem querendo mandar em tudo.
 +
 +
Seu marido não pode ser empecilho para você subir ao [[céu]]. Não substitua a leveza de Maria, a leveza de mulher. Não permita que este modelo de mulher da sociedade a influencie. Que seu modelo seja d'Aquela que subiu ao céu. E você, homem, marido, segure na mão desta mulher, porque se ela subir você sobe junto.
 +
 +
 +
'''Detalhes'''

Edição das 13h35min de 19 de agosto de 2008

Padre Fábio de Melo - 17/08/2008 - código CD 25.05126 DVD 26.05126

Nesta Pregação, Padre Fábio de Melo,


Local: c.E.D.J.H.M. / Cachoeira Paulista. / Assunto: Igreja.

Horário: 8:00 Hs. / I Hallel Canção Nova.


Conteudo da Pregação


A festa de hoje liga o céu e a terra, porque festejar a Assunção de Nossa Senhora é celebrar o humano elevado ao divino.

Maria foi a mulher de José, mulher da família, mas também mulher de Deus. A mulher carrega em si o dom de ser como Deus em pequenas medidas. Jesus ficou nove meses no ventre, foi amamentado, amado por Maria, foi humano. A Santíssima Virgem passou por muitos desafios naquela época, mas resistiu.

Nossa Senhora precisou ter os olhos fixos em Deus para ser fiel à missão dada a Ela. Mulher, se você olhar para você, para a potência que você tem de alimentar e conduzir uma casa, se você se espelhar em Maria, sendo fiel às coisas simples e tendo os olhos fixos em Jesus, tudo será diferente.

Há em você, mulher, uma sacralidade que dia após dia você precisa reconhecer. Mulheres, não negligenciem o dom de sua feminilidade! A mulher tem poder de costurar o mundo, assim como no passado entrelaçavam as linhas, faziam tudo que era artesanal. Você precisa ser artesã para "costurar" o mundo.

Quando temos um problema com o pai, tudo continua em pé, mas se a mãe se entrega, dificilmente o lar fica em pé. A mulher é capaz de suportar um pouco mais que a gente. As mulheres mensalmente sentem dor, sangram (ciclo menstrual). Se fosse eu quem sangrasse, todos os meses iria ao hospital. Tenho pavor de sangue!

Mulher, aquilo que você tem é dom de Deus para você ser igual a Virgem Maria. Maria honrou a sua missão de educar o Filho de Deus. Ela foi pedagoga. Se Jesus foi capaz de subir ao calvário, foi porque Ela O educou para ser corajoso. A Santíssima Virgem não foi uma mãe histérica. Até mesmo na hora do seu Filho morrer, Ela estava presente com um olhar discreto.

'A mulher carrega em si o dom de ser como Deus em pequenas medidas.' A mulher tem a sensibilidade. É mulher de aço, é mulher de flor. Não podemos anunciar Jesus só pela justiça, mas pela misericórdia. Só paramos em pé se estamos em equilíbrio. Onde está o seu equilíbrio, mulher? Não seja relaxada! Mãe, seja o equilíbrio, seja mãe de um jeito certo, seja esposa com os dois pés, equilibrada - nem na omissão nem querendo mandar em tudo.

Seu marido não pode ser empecilho para você subir ao céu. Não substitua a leveza de Maria, a leveza de mulher. Não permita que este modelo de mulher da sociedade a influencie. Que seu modelo seja d'Aquela que subiu ao céu. E você, homem, marido, segure na mão desta mulher, porque se ela subir você sobe junto.


Detalhes