Salesianos

De Wiki Canção Nova
Revisão de 15h44min de 25 de agosto de 2009 por Ariane (discussão | contribs)
Ir para: navegação, pesquisa

“Em todo jovem, mesmo no mais infeliz, há um ponto acessível ao bem e a primeira obrigação do educador é buscar esse ponto, essa corda sensível do coração e tirar bom proveito”. Essa frase é de Dom Bosco, um dos santos que mais se doou para a juventude. Em seu centenário, o papa João Paulo II nomeou-o como mestre e pai da juventude. Seu trabalho pedagógico consistia em ensinar que para educar é preciso amar primeiro. Para ele, educação é missão, um jeito de santificar e tornar tanto os homens quanto o mundo, melhores.

O santo é fundador dos padres salesianos. Palavra esta empregada pelo próprio Dom Bosco para nomear seus seguidores, em honra a São Francisco de Sales. Ele nasceu na Itália, perto de Turim, no dia 16 de agosto de 1815, falecendo no mesmo lugar no dia 31 de janeiro de 1888. Era filho de pobres camponeses. Quis ser padre para trabalhar com crianças e jovens educando e evangelizando, segundo um projeto de promoção integral, visando formar “bons cristãos e honestos cidadãos”.

A história dos Salesianos no Brasil começou em 1883, quando um grupo de religiosos vindo da Itália, encaminhados por Dom Bosco, chegaram para colocar em prática seu carisma e pedagogia – baseados na “razão, na religião e no carinho” e atender as necessidades de uma população jovem e carente. Em princípio, se dedicaram ao ensino primário e das artes. Posteriormente, ao ensino secundário.

A primeira obra dos religiosos no país foi na cidade de Niterói, no Rio de Janeiro. Em 1892, chegaram ao Brasil as primeiras FMA – Filhas de Maria Auxiliadora, que estabeleceram a primeira obra em Guaratinguetá, em São Paulo. Foram criando escolas, paróquias, oratórios, obras assistenciais e sociais, escolas de nível infantil ao universitário, rádios comunitárias, editora, centros audiovisuais, além da obra missionária junto aos povos indígenas.

Atualmente, a missão salesiana está por todos os cantos do mundo, colaborando e contribuindo com a educação básica, profissionalizante, lazer, entretenimento, alimentação, moradia e evangelização de crianças e jovens. São mais 3.500 mil obras salesianas espalhadas em 128 países e em todos os continentes.

No Brasil, a obra de Dom Bosco – composta por irmãos e irmãs de vida consagrada, que fazem votos simples de castidade, pobreza e obediência - está presente nas seis regiões do país. Só no Estado de São Paulo, a Inspetoria Nossa Senhora Auxiliadora, coordenada por religiosos salesianos, é responsável pela animação de 103 comunidades educativo-pastorais – entre escolas, instituições universitárias, obras sociais, oratórios e paróquias – constituídas em 25 obras.

A primeira obra salesiana no Estado foi o Liceu Coração de Jesus, criada na capital paulista em 1885. O fundador da Canção Nova, monsenhor Jonas Abib, estudou na instituição quando tinha 12 anos.

Carisma salesiano

O propósito de uma ordem ou congregação religiosa é viver o carisma ou espírito de seu fundador. Dito de uma forma sucinta, o espírito salesiano se resume na expressão "querer ficar com Dom Bosco, querer ser como Dom Bosco".

A espiritualidade de Dom Bosco se expressa como um modo de vida que, no aspecto temporal e espiritual, educa pelo exemplo. Sendo assim, do exemplo de São João Bosco os salesianos extraem alguns aspectos que indicam a prática da espiritualidade salesiana:

Uma espiritualidade cristã: o ponto de partida é o amor de Cristo pela humanidade, que é a raiz da caridade do salesiano pelos jovens. É com o coração de Cristo que o salesiano desenvolve sua missão. Uma espiritualidade eclesial e católica: a ação e vida salesiana são desenvolvidas na convivência em comunidade, no aspecto concreto da convivência interpessoal, no aspecto do sentido de Igreja, que convive na diversidade de visões e culturas e na unidade da fé, sintetizada na missão do Santo Padre. Uma espiritualidade na experiência de Deus: mesmo não sendo uma ordem contemplativa, o salesiano contempla em sua ação a experiência de Deus como Pai, que olha, que cuida, que provê, que educa e que ama os jovens. Uma espiritualidade alegre: enraizado em S. Francisco de Sales, defensor da alegria como própria da santidade. Em vez de rejeitar o mundo e o que há no mundo o salesiano valoriza as novidades do mundo temporal, quando elas trazem a alegria e agradam aos jovens e claro não firam a moral e os bons costumes. Para preservar essa alegria saudável e antinatural não poucos padres recorriam a cascudos e arremessos de pesados molhos de chaves nos alunos mais entusiasmados. Pela prática da alegria, aprende-se a distinguir entre o entusiasmo passageiro e a felicidade da vida cristã. Uma espiritualidade otimista e operante: não se lamenta nem se perturba diante da adversidade, responde aos desafios com uma visão otimista da vida e com seu trabalho, de forma simples, direta e descomplicada, pois sabe que agindo dessa maneira, corresponde à providência divina. Uma espiritualidade humana na temperança: procura no cotidiano as oportunidades de penitência, a incompreensão das pessoas, as dificuldades do clima, os desentendimentos, as pequenas falhas que sempre incomodam, praticando assim a paciência e a temperança, sem recorrer a penitências extraordinárias. É, assim, uma espiritualidade acessível a qualquer pessoa. Uma espiritualidade atenta e criativa: criar o novo, ter iniciativa, acompanhar e antecipar a história para estar perto da humanidade e sobretudo dos jovens, principalmente quando se trata da salvação. Uma espiritualidade educadora e mariana: a devoção a Maria Auxiliadora dos Cristãos, se concretiza na proposta educativa do sistema preventivo fundamentado na razão, na religião e no carinho. A exemplo de Maria, que na concepção católica é mãe e educadora de Jesus, a educação se faz pela clareza das instruções, pela fé como fundamento da ação e pela caridade e amor à humanidade como caminho de encontro com Deus. Uma espiritualidade de serviço aos jovens: sintetizado na frase "Basta que sejais jovens para que eu vos ame", amor que muitas vezes importunava os inexperientes jovens, significa que é possível vencer o egoísmo sabendo que a vida não é um fim em si mesmo, mas um dom que se dedica a quem se ama. Na espiritualidade salesiana esse amor é dedicado à criança e aos jovens em primeiro lugar e proposto como um convite a ajudar nessa missão a todos os que já chegaram à vida adulta.

Diferentemente de outros modelos de espiritualidade cristã e católica, a espiritualidade salesiana não se concretiza nem pode ser vivida em clausura absoluta. É próprio dessa espiritualidade reunir as pessoas em família, padres, irmãos e irmãs de vida consagrada, fiéis católicos casados ou não em torno dessa missão de atender, cuidar, educar e amar a juventude. Por esse motivo, historicamente, a espiritualidade salesiana se concretiza de modo pleno na família salesiana, que é a comunidade maior que manifesta o espírito cristão de Dom Bosco para o mundo atual.

Vocação

Se você não gosta de trabalhar com a juventude, nem se candidate a ser um salesiano. A missão principal dos seguidores de Dom Bosco é com os jovens. Agora, se você gosta o primeiro passo já está dado. Cada um de nós é chamado por Deus a uma vocação pessoal. Além disso, não fomos chamados todos a viver da mesma maneira a vocação salesiana. Alguns são chamados a serem "Salesianos Clérigos", outros a serem "Salesianos Leigos" (ou Salesianos Coadjutores).

Os Salesianos Clérigos são aqueles que se dedicam ao serviço dos jovens por meio de seu ministério sacerdotal, como diáconos permanentes ou como padres. O Salesiano Leigo é aquele que se dedica, com a mesma vocação, a servir os jovens continuando no estado laical como irmão entre os irmãos. No caso feminino, as salesianas permanecem como irmãs religiosas.

Não há regras para se tornar um salesiano, mas, de acordo com o Diretor Geral do Instituto Salesiano São José, localizado em Lorena (SP), padre Roque Luiz Sibioni, alguns itens devem ser levados em consideração:

Não há uma idade limite para se tornar um religioso de Dom Bosco; É necessário pré-disposição para viver essa experiência que, só de formação, dura em torno de 10 anos; É preciso ter disponibilidade para trabalhar muito e estudar, ou seja, entregar-se a missão; É primordial estar bem de saúde, tanto física quanto psíquica; Ter disponibilidade para viver em comunidade; E, acima de tudo, vontade de viver a radicalidade de Jesus Cristo

Endereço

Caso você queira saber mais sobre a vocação salesiana, entre em contato com os responsáveis pelos endereços abaixo:

Inspetoria São João Bosco – Belo Horizonte (MG) Abrangência: Distrito Federal, Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro e Goiás

Endereço: P. Ovídio Geraldo Zancanella Avenida 31 de março, 435 – Coração Eucarístico Caixa postal 205 – (30161-970) 30535-000 Belo Horizonte – MG

E-mail: inspetorbh@salesiano.br Tel: (31) 3375-6966 Fax: 3375-6525 Site: www.salesiano.br

Inspetoria Salesiana do Mato Grosso – Campo Grande (MT) Abrangência: Toda região Centro-Oeste do Brasil

Endereço: P. Afonso de Castro Rua Barão do Rio Branco, 1811 Caixa Postal 415 – (79002-970) 79002-173 Campo Grande – MS

E-mail: inspetor@msmt.org.br Tel: (67) 3312-6400 Fax: (67) 3312-6489 Site: www.msmt.org.br

Inspetoria Salesiana Missionária da Amazônia – Manaus (AM) Abrangência: Estados do Amazonas, Pará e Rondônia.

Endereço: P. Damásio Raimundo Santos de Medeiros Rua Visconde de Porto Alegre, 806 – Centro Caixa Postal 427- (69011-970) 69020-130 Manaus – AM

E-mail: inspetor@isma.org.br Tel: (92) 3633-4414 Fax: (92) 3232-4649 Site: www.isma.org.br

Inspetoria Salesiana São Pio X – Porto Alegre (RS) Abrangência: Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná

Endereço: P. José Valmor César Teixeira Avenida Cel. Lucas de Oliveira – 845 90440-011 – Porto Alegre – RS

E-mail: inspetor@dombosco.net Tel: (51) 3331-7939 Fax: (51) 3330-3317 Site: www.dombosco.net

Inspetoria Salesiana São Luís Gonzaga Abrangência: Ceará, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Alagoas, Sergipe e Bahia

Endereço: P. João Carlos Ribeiro Rodrigues Rua Estado de Israel, 386 50070-420 Recife-PE

E-mail: jcarlos@salesianosrec.org.br Tel: (81) 2102-0800 Fax: (81) 2102-0850 Site: www.salesianosrec.org.br

Inspetoria Salesiana Nossa Senhora Auxiliadora – São Paulo (SP) Abrangência: 25 obras, que atuam em todo o estado paulista

Endereço: P. Marco Biaggi Largo Coração de Jesus, 140 – Campo Elíseos 01215-020 São Paulo – SP

E-mail: inspetor.bsp@salesianos.com.br Tel: (11) 3225-5800 Fax: (11) 3222-7732 Site: www.salesianos.com.br

Referência