Mudanças entre as edições de "Santo"

De Wiki Canção Nova
Ir para: navegação, pesquisa
 
(6 revisões intermediárias por 2 usuários não estão sendo mostradas)
Linha 3: Linha 3:
  
 
[[Imagem:9951txt.jpg|180px|left|tumb]] Um santo [[Canonização|canonizado]] foi alguém que na terra praticou a bondade heróica em todas as suas ações. Um homem ou uma mulher não é canonizado por ter uma só virtude. Não é suficiente que ele não tenha faltas salientes. Mesmo uma pequena fraqueza é uma grande falta num santo.
 
[[Imagem:9951txt.jpg|180px|left|tumb]] Um santo [[Canonização|canonizado]] foi alguém que na terra praticou a bondade heróica em todas as suas ações. Um homem ou uma mulher não é canonizado por ter uma só virtude. Não é suficiente que ele não tenha faltas salientes. Mesmo uma pequena fraqueza é uma grande falta num santo.
Os homens e as mulheres que a [[Igreja Católica Apostólica Romana|Igreja Católica]] chama de “santos” são milhares, mais de vinte e sete mil, como afirma René Fullop Muller, em seu livro “Os Santos que abalaram o mundo”.
+
Os homens e as mulheres que a [[Igreja Católica|Igreja Católica Apostólica Romana]] chama de “santos” são milhares, mais de vinte e sete mil, como afirma René Fullop Muller, em seu livro “Os Santos que abalaram o mundo”.
 
   
 
   
 
Um santo tem um controle perfeito de todas as virtudes. Os seres humanos chegam à santidade travando uma árdua batalha com eles mesmos, com a carne e com o demônio. Por isso, a Igreja Católica não hesita em examinar no processo de [[Beatificação|beatificação]] minuciosamente tudo o que um santo fez . Os santos não foram pessoas raras e especiais que viveram numa só terra ou numa só época particular. Pertencem a todas as épocas e a todas as nacionalidades.
 
Um santo tem um controle perfeito de todas as virtudes. Os seres humanos chegam à santidade travando uma árdua batalha com eles mesmos, com a carne e com o demônio. Por isso, a Igreja Católica não hesita em examinar no processo de [[Beatificação|beatificação]] minuciosamente tudo o que um santo fez . Os santos não foram pessoas raras e especiais que viveram numa só terra ou numa só época particular. Pertencem a todas as épocas e a todas as nacionalidades.
Linha 20: Linha 20:
 
* [[São Paulo]]
 
* [[São Paulo]]
 
* [[São Vicente de Paulo]]
 
* [[São Vicente de Paulo]]
 
[[Imagem:teste01.jpg|178px]]
 

Edição atual tal como às 08h08min de 21 de outubro de 2009

O que é um santo?

tumb
Um santo canonizado foi alguém que na terra praticou a bondade heróica em todas as suas ações. Um homem ou uma mulher não é canonizado por ter uma só virtude. Não é suficiente que ele não tenha faltas salientes. Mesmo uma pequena fraqueza é uma grande falta num santo.

Os homens e as mulheres que a Igreja Católica Apostólica Romana chama de “santos” são milhares, mais de vinte e sete mil, como afirma René Fullop Muller, em seu livro “Os Santos que abalaram o mundo”.

Um santo tem um controle perfeito de todas as virtudes. Os seres humanos chegam à santidade travando uma árdua batalha com eles mesmos, com a carne e com o demônio. Por isso, a Igreja Católica não hesita em examinar no processo de beatificação minuciosamente tudo o que um santo fez . Os santos não foram pessoas raras e especiais que viveram numa só terra ou numa só época particular. Pertencem a todas as épocas e a todas as nacionalidades.

(fonte: Prof. Felipe Aquino [1])


Ver Também

  • Santos canonizados durante o pontificado de João Paulo II [2]